sexta-feira, 13 de junho de 2014

Pintada, galinha angolana ou fraca

As duas pintadas andam sempre juntas e dão-se bem com todos, são umas meiguinhas. Quando dão fé de mim por perto, pedem para saírem para poderem vir para a minha beira. Andam sempre por perto e quando tem que regressar para o galinheiro, não poem obstáculos, vou dizendo para elas: “-Vamos, vamos, toca andar, temos que ir.” E elas lá vão à minha frente em direção à porta do galinheiro, esperam que eu a abra, entram e logo ficam entretidas lá.

DSC_0107DSC_0024DSC_0005DSC_0023DSC_0027DSC_0040DSC_0039DSC_0042DSC_0064DSC_0083

quinta-feira, 12 de junho de 2014

Melão andino

Dois pés de melão andino, foram semeados a partir de sementes que o meu amigo Pedro me arranjou. Resolvi transplantar para a horta, com o sentido de que aqui se desenvolvam mais do que no vaso. Tenho ainda um outro pé que está em flor. Nunca consegui tirar um fruto, dão a flor e não chega a dar o fruto, mela. Será desta que vou conseguir ter frutos?

DSC_0283DSC_0154DSC_0155DSC_0151DSC_0153DSC_0152

quarta-feira, 11 de junho de 2014

Canteiro de cor roxa

Nesta antiga pia de pedra plantei petunias e amores perfeitos em tons de roxo.

DSC_0047DSC_0040DSC_0042DSC_0043DSC_0045DSC_0044DSC_0046DSC_0041

Gatinhos

No passado dia 31 de maio fui buscar estes dois gatinhos a uma associação de animais abandonados. São os mais recentes habitante da horta. Vão ter muita companhia e brincadeiras.

DSC_0139DSC_0233

O Mimoso, é um traquina, nunca está quieto e tudo lhe serve para brincar. É muito simpático e não teme nada.

DSC_0140DSC_0232

O Dragão, é mais reservado, gosta de estar sossegadinho no canto dele.

DSC_0234

Maracujá banana ou curuba

Este pé de curuba nasceu de sementes que plantei. Durante muito tempo cresceu pouco, mas agora tem crescido a olhos vistos. Nunca deu flor, mas este ano estou na espectativa de que vai dar. As flores são muito bonitas e os frutos também. A ideia, é a planta revestir este arco que lhe serve de suporte e deixar cair as suas flores e frutos. A 4 de maio ainda só cobria a parte lateral do arco. Agora já está a dar a volta ao arco.

DSC_0289DSC_0148DSC_0146DSC_0150DSC_0147DSC_0149